Cacau em pepitas - Celeiro da Saúde Lda

Cacau em pepitas

  • €6.50
    Preço unitário por 
Imposto incluído.


O nome científico Theobroma cacao foi atribuído, em 1753, pelo botânico suíço Carl
Linnaeus. A árvore do cacau, Theobroma cacao L. pertencente à família das Sterculiaceae, cresce numa zona geográfica limitada, 10 graus para norte e sul do equador, em particular na América Central, América do Sul, África e Ilhas do Oeste da
Índia.

A utilização do cacau como produto natural medicinal já vem desde o tempo dos Astecas, estes povos utilizavam os grãos de cacau como recurso medicinal, para acalmar problemas de estômago e intestinais, diarreia infantil, reduzir a febre e estimular a força nas pessoas mais fracas.

Os flavonoides e as metilxantinas são os componentes ativos mais reconhecíveis do cacau.

Os principais flavonoides são as catequinas, epicatequinas e procianidinas, que são compostos que têm um efeito considerável na proteção contra a oxidação das lipoproteínas de baixa densidade (LDL), sendo esta oxidação a principal responsável pela aterosclerose.

As principais metilxantinas presentes no cacau são cafeína e a teobromina. Estas atuam sobre os recetores de adenosina no sistema nervoso central, aumentando a excitação, o humor e os níveis de concentração.

Saúde Cardiovascular
Os polifenóis presentes no cacau podem reduzir o risco de acidente vascular cerebral através de múltiplos mecanismos, incluindo efeitos anti-hipertensivos, hipocolesterolémicos, antioxidantes e anti-inflamatórios, além de melhorias na função endotelial vascular e sensibilidade à insulina.

Os resultados globais de 2 meta-análises indicam que a ingestão de cacau pode reduzir, moderadamente, a pressão arterial sistólica e diastólica.

Perda de peso
Num estudo feito em ratos alimentados com uma dieta enriquecida em cacau foi possível observar-se uma redução no peso corporal, provavelmente devido à menor síntese do tecido adiposo. A hipótese apresentada por Ferrazzano et al. é a de que os polifenóis contidos no cacau podem ter efeitos anti-obesogénicos, devido à sua capacidade em suprimir a síntese de ácidos gordos, enquanto estimula o gasto de energia nas mitocôndrias.

Uso sugerido: O cacau tem um sabor naturalmente amargo. Que tal uma mousse de cacau e avelã? Adiciona 1 a 2 colheres de chá (3 g a 6 g) de cacau às tuas sobremesas e garantimoste que ficarão deliciosas. Substitui o chocolate normal por Cacau e cria os teus próprios doces saudáveis. 


Também Recomendamos